domingo, 1 de outubro de 2017

Eu te amo, mas isso tem que acabar

Era como se tivesse me dado uma facada.
A verdade é que a facada doeria menos. Qualquer coisa doeria menos. Era a pior sensação do mundo saber que fui capaz de tudo por você; que eu daria a minha vida pela sua. Doia demais ouvir suas escolhas e continuar não fazendo nada, só pra te ter aqui.

Eu sei, talvez eu tenha superestimado a sua existência na Terra. Talvez eu subestimei suas habilidades de levar a vida pensando mais em você que nos outros. E isso não é um erro. Erro foi o meu por ter colocado você a frente de mim, a par das minhas dores e das minhas alegrias. Erro foi meu de ter achado que podia controlar alguém só por amar demais.

Não, não queria controlar você, nunca quis. Mas controlei meus instintos te colocando na frente. Queria que você aprendesse a fazer as escolhas como eu não fiz. Eu sabia que você feliz me faria feliz e isso bastava. Mas não, não pode bastar. A minha felicidade é que deveria estar como prioridade.

Sabe, eu ainda ouço aquela música que diz "nunca permita que a sua felicidade dependa de algo que possa perder"; ouço naquela voz, nítida na minha lembrança. É que eu não achei que pudesse te perder um dia, não achei que as pessoas estavam certas quando diziam que eu estava errando comigo estando ao seu lado. Achei que éramos mais fortes que tudo.

Então, deixe-me ir. Longe, talvez possamos nos perdoar, crescer e aprender com isso. E continuando a música: "não vou me despedir, porque dói", acredito que doa menos do que está doendo agora. 

Você é meu corte mais dolorido, mais profundo, mais difícil. Só por te amar demais e não ser escolhida em troca. Vai, troca! Você ainda pode fazer todas as escolhas erradas. E se eu não tiver aqui, saiba que é porque eu aprendi a escolher certo, dessa vez. Ao menos dessa vez...

2 comentários:

  1. Ah o amor... Ah esse amor que deixa de ser saudável, que coloca o outro na nossa frente! De longe, de fora enxergamos bem melhor. Que o outro vá, que seja feliz e que nós possamos reconstruir e recomeçar sempre que necessário, sempre mais fortes! ♥

    Bonito o texto! :D

    Beijos,
    Aline

    www.inventandoassunto.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é o mais difícil e doloroso amor. Mas ele passa, assim como tudo. Nada como o tempo ♥
      Que bom que gostou, linda. Obrigada.

      Excluir

KIRIDA VENK | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS